23 junho 2010

o ano da morte de aníbal cavaco silva

depois disto não há mais nada a dizer

4 comentários:

  1. sim, de certa forma. contudo, um belo texto, uma opinião que vai mesmo ao encontro daquilo que quero dizer mas não sabia como. e quem se mete na política não pode esperar que os seus actos sejam excluídos dela.

    ResponderEliminar
  2. E continuando na onda de obituário...

    ResponderEliminar
  3. este fdsemana andou calmo, e até agora niente. a ver, a ver...

    ResponderEliminar