25 abril 2006

:P





detesto quando fazem isso. não saber quem está por trás.
tento-te imaginar por detrás do anonimato. posso estar enganada.
aliás estou muitas vezes [sei que isto não é para aqui chamado, mas sim, estou. por saber que o melhor de mim é afinal insuficiente, por não conseguir segurar as coisas, por parecer que falo para o boneco]. mas à frente. detesto quando tapas a cara e te escondes atrás dessa palavra. se fosse eu que mandasse o anonimato não era opção.

dia 26: parece que sou bruxa. este post não era para ser assim. se não fosse a regra que me impus não estaria já aqui. é estranho como o vago que não era para uns pode transformar-se no óbvio para os mesmos. mas não era. era para quem está longe, para o que pensei ser o primeiro dos anónimos, :P

1 comentário:

  1. Anónimo20:12

    Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar